Construir ou comprar pronto, qual a melhor opção?

O oficial da Marinha Luiz Sergio Fernandes conta, em capítulos, o processo de construção de seu veleiro, o Baquã, de 33 pés, confeccionado todo em madeira por ele próprio, a partir do projeto de Roberto Mesquita Barros, o Cabinho.

Para quem deseja adquirir um veleiro, esta é, sem dúvida, a decisão mais difícil de tomar, pois envolve a consideração de vários fatores, bem como outras decisões…

Leia Mais...


PROLAM: Alternativa brasileira

A vitória do Vó Zizinha, inteiramente equipado com velas de Prolam, na dura e longa Regata Eldorado Brasilis ( Vitória-Trindade-Vitória ) ensejou este ensaio. Ele não se pretende completo e maiores informações podem ser buscadas com o autor ou junto às velerias brasileiras que usam regularmente o material. 

Há mais de 15 anos as fábricas de velas ensaiam materiais alternativos ao Dacron, tanto para cruzeiro como…

Leia Mais...


Na veleria Cognac, que é com certeza,  uma das velerias de maior tradição no Brasil e na américa do sul, produzimos velas com cortes modernos proporcionando ótimo desempenho para veleiros monotipos e oceanos de cruzeiros e regatas.

Na veleira Cognac realizamos reparos e em todos os tipos de vela, capas e acessórios. As velas de dacron velhas e "barrigudas" são reparadas com o intuito de garantir uma sobrevida, com ajustes na testa, valuma, esteira, poídos, macarrão e slides.

Na veleria Cognac fazemos sob medida capas para enroladores de genoa, bimini, lazy-jack, capas para o barco, morcegos, sacos de vela, sacos de balão, saco tartaruga, toldos e muitos outros acessórios para seu veleiro.